quarta-feira, 3 de abril de 2013

Desejo


Sob a tenda escura,
à luz da lua,
dois corpos brancos,
pela primeira vez a se encontrar
embriagam-se,
sem amor,
no torpor momentâneo
do querer.

Renata Rabelo
Poetisa

Nenhum comentário:

Postar um comentário