sábado, 24 de agosto de 2013

Triste fim



      Abrindo a boca,
      Falou sem parar
      Até engasgar,
      E sufocar da própria saliva.
      Triste fim para um homem tão bonito. 

       Renata Rabelo 
       Poetisa

Nenhum comentário:

Postar um comentário